quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Crise existencial e um grande vazio interior

Ontem a noite eu estava inquieto. Sentia um grande vazio interior e não conseguia me concentrar em nada.

Como os programas na TV não prendiam a minha atenção, eu resolvi partir para meditação. Fiquei na posição de meditação, com pernas cruzadas e tronco ereto. Fechei os olhos e comecei a contar de um a cinco, várias vezes, e me concentrei na minha própria respiração.

Após alguns poucos minutos veio a iluminação. O meu vazio interior era fome. Levantei e fui assaltar a geladeira. Depois de saciado o mundo parecia mais belo e tudo parecia se encaixar.

Lição do dia: Se um grande vazio interior te dominar, corra para geladeira que é fome.

Postar um comentário